Notícias Paraná 

Fábrica de “Multas” às 05:40 da manhã em Curitiba?!

Hoje pela manhã fui levar minha filha na rodoferroviária e percebi que tinha dois agentes do SETRAN multando a maioria dos carros que estavam parados no desembarque. Combinamos com minha esposa que ela seguisse com o carro, e desci e fui emitir a passagem e acompanhar a minha filha até o embarque.

Não me contive e fui conversar com o agente. Calmamente perguntei a ele porque estava multando diretamente sem instruir os motoristas para o desembarque. Ele disse que ali não era local para desembarque,  o que eu também já havia percebido, mas questionei porque a outra agente da SETRAN multava na área designada para desembarque assim que o motorista estacionava o carro. Esse agente logo se alterou e ironizava dizendo que era para eu chamar o “papai”. Não gostei da atitude dele, mas para evitar confusão me virei e segui em direção ao Toten de emissão de passagem, pois estava com a minha filha. E para minha surpresa ele também me seguiu chegando bem próximo  e apitou bem forte próximo ao meu ouvido, praticamente encostando. E pior,  ameaçou chamar a polícia como uma forma de intimidação (eu é que deveria ter chamado…).

Mas quem estava alterado e nervoso não era eu e nem minha filha, e sim esse agente.

Sua atitude foi abusiva, de um servidor público despreparado para trabalhar num ambiente de estresse e principalmente com pessoas. Numa data como a de hoje (30/12/2107) com muita circulação de veículos e pessoas e todos agitados, correndo, atrasado…Num vai e vem sem parar.

O mínimo que se pode esperar de um serviço deste é calma, organização e assertividade. Uma atitude provocativa e inflamada, como foi desse agente, gera ainda mais irritabilidade e problemas. A presença da SETRAN tem o objetivo de organizar o trânsito, mas o que parecia era uma FÁBRICA DE MULTAS.

Prefeitura de Curitiba deve PREPARAR MELHOR  os agentes do SETRAN. 

Publicações relacionadas