Brasil Justiça Lava Jato Lula Notícias 

URGENTE: LULA É CONDENADO POR UNANIMIDADE PELO TRF-4

Victor Laus seguiu Gebran Neto e Leandro Paulsen na condenação de Lula pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex, em regime fechado. Laus também acompanhou a imposição da pena de 12 anos e um mês. Ou seja, os três desembargadores aumentaram a pena que fora imposta por Sergio Moro na primeira instância.

Leia Mais
Brasil Justiça Lava Jato Lula Notícias 

Terceiro Voto – Julgamento de LULA

O desembargador Victor Laus acompanhou os colegas e fechou com unanimidade seu voto pela confirmação da condenação e aumento da pena do ex-presidente Lula para 12 anos e um mês de prisão em regime fechado. O ex-executivo da OAS Agenor Franklin, condenado em primeira instância a 6 anos de prisão em regime fechado, teve a pena diminuída para 1 ano, 10 meses e 7 dias de reclusão, em regime aberto, e 43 dias de multa. Léo Pinheiro, o ex-diretor da OAS José Adelmário Pinheiro Neto Filho, também teve a pena…

Leia Mais
Brasil Justiça Lava Jato Lula Notícias 

Segundo Voto – Julgamento de LULA

Revisor do processo do triplex do Guarujá no TRF4, o desembargador Leandro Paulsen proferiu o segundo voto contra Lula, seguindo o relator e confirmando a sentença do juiz Sergio Moro; ele negou todos os pedidos da defesa e pediu prisão do ex-presidente logo após os embargos no tribunal de Porto Alegre, para que o juiz Sergio Moro as execute; Paulsen declarou que “a eleição não põe o eleito acima do bem e do mal”.

Leia Mais
Brasil Curiosidades Justiça Notícias 

Como é feita a lavagem de dinheiro?

A maneira mais comum é por meio de empresas de fachada, ou seja, negócios “de mentirinha” controlados pela própria organização criminosa que quer lavar a grana. Os criminosos pegam o dinheiro que ganharam de um jeito ilegal (tráfico de drogas, falsificação de dinheiro ou sonegação de impostos, por exemplo) e fazem parecer que ele foi ganho por essa empresa, que, no papel, tem uma atividade honesta. O trambique também rola quando não é o uso, e não a origem do dinheiro, que é ilegal. É o caso de igrejas que…

Leia Mais
Brasil Justiça Notícias Política 

A “Estranha” Agenda da ministra Cármen Lúcia

A assessoria da Presidência do Supremo Tribunal Federal divulgou hoje (12) a “estranha” agenda da ministra Cármen Lúcia para a próxima segunda-feira, 15 de janeiro de 2018, a partir das 10h00. Sua Excelência mandou convocar o desembargador Thompson Flores, atual presidente do TRF4 – Tribunal Regional Federal da 4ª Região — onde Luiz Inácio da Silva, vulgo “Lula”, será julgado no próximo dia 24 de janeiro —, para uma reunião cuja pauta foi resumida como “assuntos institucionais”. A confirmação da “estranha” agenda de Cármen Lúcia está disponível no site oficial…

Leia Mais